671
  • 0
  • 06.02.17
  • Publicações
  • João Pedro Junior
  • Agita SP
  • 1623

Atividade física e envelhecimento saudável

Com o controle das doenças infectocontagiosas e amelhora na qualidade de vida, a expectativa devida e o número de pessoas que ultrapassam a barreira dos 60 anos de idade tendem a aumentar. O envelhecimento vem acompanhado de uma série de efeitos nos diferentes sistemas do organismo que, de certa forma, diminuem a aptidão e o desempenho físico. No entanto, muitos dessesefeitos deletérios são secundários à falta de atividade física(AF). Por esta razão, a prática regular da AF torna-sefundamental nesta época da vida.O Centro de Estudos do Laboratório de AptidãoFísica de São Caetano do Sul (Celafiscs) tem dedicado atenção especial, nos seus 41 anos de atividades, ao estudo da relação entre envelhecimento, AF e aptidão física daspesquisas nesta área. Dentro deste contexto, o Celafiscs é oúnico centro de pesquisa na América Latina que desenvolve,desde 1997, um estudo que acompanha pessoas a partirdos 50 anos de idade que participam de um programa deatividades físicas, com o propósito de analisar o efeito doprocesso de envelhecimento na aptidão física, nível de AFe capacidade funcional: o Projeto Longitudinal de Envelhecimentoe Aptidão Física.